O que você precisa saber sobre o Zika vírus

 

A infecção pelo Zika vírus, também transmitido pelo mosquito Aedes Aegypty, já é motivo de grande preocupação. Desde que os primeiros casos começaram a ser registrados no Brasil, os especialistas observaram que o padrão da doença é caracterizado por febre baixa durante 1 ou 2 dias (menor do que 38,5 oC) ou sem febre, erupções vermelhas na pele, dor muscular leve, dor e inchaço nas articulações e conjuntivite.

Formas graves e atípicas são mais raras, mas quando ocorrem podem até causar a morte do paciente, como aconteceu em novembro de 2015 pela primeira vez no Brasil. Essas descrições estão em fase de caracterização e publicação pelas Universidades Federais do Rio Grande do Norte e de Pernambuco.

Em geral, o desaparecimento dos sintomas ocorre entre 3 e 7 dias. No entanto, em alguns pacientes, pode persistir por cerca de um mês.

Além da microcefalia (uma doença em que a cabeça e o cérebro das crianças são menores que o normal para a sua idade), a infecção pelo vírus também está relacionada à síndromes neurológicas, como a síndrome de Guillain-barré (uma doença autoimune que ocorre quando o sistema imunológico do corpo ataca parte do próprio sistema nervoso por engano).

Portanto, se já eram necessários todos os cuidados possíveis para evitar focos do mosquito transmissor da Dengue e Febre Chikungunya, agora os cuidados devem ser ainda maiores para evitar mais uma doença grave transmitida pelo Aedes Aegypti.

 

 




TAG's: você, precisa, saber, sobre, Zika, vírus

Inicial | Voltar
Link permanente: