IGARATINGA NA LUTA PARA PROTEGER E CUIDAR DOS ANIMAIS



 

Desde de o início do nosso trabalho, neste ano de 2017, a Secretaria Municipal de Saúde com o apoio do Prefeito Renato Faria Guimarães, tem se empenhado arduamente em desenvolver e praticar ações que promovam a   saúde da população em todos os níveis e também nos seus diferentes  aspectos.

Assim sendo, a cada dia  que se passa tem-se  ampliado o  compromisso da gestão municipal com a saúde da  população e  também  dispensado um grande cuidado ao meio  ambiente.

De modo que neste ano de 2017, estamos dando início a implantação do programa, que visa o     combate a Doença de  Leishmaniose e que também propõe o manejo correto de cães em situação de rua.

 E para alcançarmos estes objetivos temos convocado e contado com o apoio dos gestores municipais, referências técnicas e principalmente com auxílio de nossa população.

Além disso ,estamos  recorrendo a clínicas veterinárias  e a parcerias com  secretárias de saúde  de cidades circunvizinhas, centro de zoonoses  e centro de ensino universitários.Para realizarmos o manejo clínico de forma correta em nossos cães em situação de rua , não deixando de seguir regras estabelecidas  pela vigilância sanitária e as leis que regem a proteção dos animais.( Lei n° 9.605/98).

 

A Leishmaniose

A leishamaniose Visceral é uma doença grave, causada pelo protozoário( Leishmania Chagasi), que é transmitido através da picada de um inseto chamado fletomíneo(Lutzomya longipalpis), popularmente conhecido por mosquito palha e pode atingir pessoas e animais e principalmente o cão. O mosquito palha se contamina picando um cão infectado e posteriormente uma pessoa .

NÃO HÁ TRANSMISSÃO DIRETA ENTRE PESSOAS E PESSOAS E CÃES.

Como prevenir?

Vigiar a população de cães , controlar a proliferação do inseto vetor e evitar que ele pique pessoas. Essas ações são tanto de proteção individual como manejo do ambiente.

Manejo ambiental para controle do vetor:

  • Limpar quintais, terrenos e praças públicas (recolhendo folhas e galhos);
  • Eliminar resíduos sólidos orgânicos e dar destino adequado a este lixo.

Medidas de Controle à população canina:

  • Manejo de cães em situação de rua de maneira correta;
  • Estímulo da posse responsável de animais domésticos;
  • Entre outras práticas.

O BEM ESTAR DE TODOS É O NOSSO COMPROMISSO!

 

Marcelo Soares Ferreira

Secretário Municipal de Saúde

 

Para mais esclarecimentos procurar o Centro de Saúde (Setor de Epidemiologia).

Endereço: Rua Pará de Minas, 179, Centro, Igaratinga-MG

Telefone: (37) 3246-1130




TAG's: IGARATINGA, LUTA, PARA, PROTEGER, CUIDAR, ANIMAIS

Inicial | Voltar
Link permanente: